5 cartões de crédito VIPs e caros que os brasileiros ricos usam

Por Redação IQ 360

Ter um cartão de crédito ao alcance das mãos para fazer compras não é mais uma exclusividade de uma elite rica. Felizmente, o acesso ao crédito foi ampliado para boa parte da população nas últimas décadas, permitindo o pagamento e o parcelamento das compras. Mas ainda existe um segmento muito específico para os super-ricos, que é o dos cartões de crédito luxuosos.
Para essas pessoas que estão no topo da pirâmide econômica, o mercado financeiro oferece vantagens e mimos exclusivos de acordo com a renda. E além de serviços como salas exclusivas em aeroportos, as bandeiras oferecem descontos em restaurantes, hotéis e resorts de luxo, em todo o mundo. Quanto maior o poder aquisitivo, mais facilidades o cliente terá acesso. Mas isso, claro, tem um preço e a anuidade não sai nada barata. De acordo com os especialistas, os cartões de luxo representam 5% do mercado.
Confira os mais cartões de crédito comuns entre os brasileiros endinheirados:

Visa Infinite e Visa Platinum

A Visa já é uma das duas maiores bandeiras que atuam no Brasil, ao lado da MasterCard. Para os milionários, os cartões mais luxuosos são o Infinite e o Platinum. Para ter acesso a esses dois, é preciso ter uma renda mínima de R$ 20 mil e R$ 6 mil, respectivamente. A anuidade gira em torno de R$ 420 a R$ 850, mas as vantagens compensam. Os clientes têm seguros exclusivos em todas as categorias, assistência a viagens internacionais, recepção VIP em hotéis e resorts famosos ao redor do mundo, acesso prioritário a aviões e navios, entre outros.

MasterCard Black e MasterCard Platinum

Se você já é cliente MasterCard e deseja fazer um upgrade do seu cartão, essas são as duas opções mais vantajosas. Para obter o Platinum, o cliente precisa comprovar uma renda mínima de R$ 7 mil e a anuidade é mais barata do que a da Visa: R$ 250. Já para a versão Black, o proprietário do cartão precisa ter rendimentos mensais na ordem de R$ 20 mil e vai pagar uma anuidade de R$ 600. Entre os benefícios dos dois cartões, não há tantas diferenças com a Visa: assistência a viagens, descontos em viagens internacionais, seguros em geral, salas VIPs, etc. O que muda entre um Platinum e um Black é a quantidade de estabelecimentos credenciados e, claro, o status social que o cliente vai exibir na carteira.

American Express Platinum

Agora, para quem quer um tratamento mais exclusivo entre os super-ricos, o cartão ideal é o American Express Platinum. Isso porque não basta querer entrar para o clube seleto, é necessário ser convidado pela administradora do cartão diretamente. Depois de entrar, o cliente super VIP terá um serviço ainda mais especial de seguros, salas VIPs, assistência jurídica e médica no mundo todo, e os pontos acumulados podem dar direito a diárias nos hotéis e resorts mais exclusivos ao redor do globo. A anuidade também é das mais caras: R$ 1,2 mil.