Cartões de crédito para quem ganha um salário mínimo

Por Redação IQ 360

Índice de Conteúdomenu

  1. Cartão de crédito sem conta em banco
  2. Cartões de loja
  3. Cartão Universitário

Independentemente de quanto você ganha, existe uma regra que necessariamente precisa funcionar quando se fala em finanças: a sua despesa nunca deverá ser maior que a sua receita.

Hoje em dia, grande parte dos bancos exigem que as pessoas comprovem renda para adquirir um cartão de crédito. Pessoas que iniciam a vida financeira, como os estudantes ou aqueles que recebem apenas um salário mínimo, podem ter um pouco de dificuldade na hora dessa negociação.

Os comprovantes são de suma importância para as instituições financeiras para que elas possam verificar se o contratante do cartão terá um valor disponível para arcar com as despesas.

Podemos pegar como exemplo uma pessoa que recebe apenas um salário mínimo: não faria sentido ter um limite maior que esse valor pois quando a conta chegar ela provavelmente não conseguirá pagar a dívida.

Lembrando que o banco não vai verificar apenas a comprovação de renda. Ele irá consultar o seu CPF para saber se você tem o nome negativado no SPC ou Serasa.

Caso você já seja um correntista de algum banco, um bom relacionamento com a instituição pode valer para se alcançar um cartão. Movimentações na conta, como depósitos e pagamentos, já ajudam na análise de crédito.

Se você quer ser aprovado e ter o tão sonhado cartão de crédito recebendo apenas um salário mínimo, seguem algumas dicas.

Cartão de crédito sem conta em banco

O que muitas pessoas não sabem é que existem cartões de crédito que são emitidos sem vínculos com bancos. O principal exemplo disso é o cartão Nubank. Um cartão de crédito de simples utilização e com muita flexibilidade.

É um cartão que não apresenta tarifas a serem pagas e livre de anuidade. Você pode ter o controle dos gastos e fazer consultas através do aplicativo da própria empresa. Saiba mais sobre o Nubank

Cartões de loja

Outra maneira de conseguir um cartão de crédito é através das lojas de departamento que você costuma comprar. Eles oferecem diversas condições especiais de forma a atrair novos consumidores e de, modo geral, são mais fáceis de serem aprovados.

Muitos cartões desse tipo podem ser isentos de anuidade alguns não exigem comprovação de renda. Bancos conhecidos como o Itaú e Banco do Brasil fazem a emissão do cartão, junto com uma análise a partir do CPF do contratante para saber qual o limite de crédito estará disponível.

Cartão Universitário

Outra opção disponível para aquisição de cartão de crédito é o que está voltado ao público universitário. São cartões para quem está começando uma vida financeira e ganha, por exemplo, um salário mínimo.

O limite de crédito será mais baixo e pode ir aumentando conforme a remuneração vai aumentando. Para fazer esse tipo de cartão é necessário um comprovante de matrícula no ensino superior, além de documentos pessoais. Um exemplo desse tipo de cartão é o Santander Play.