Dicas de como pagar as parcelas em dia depois de conseguir um empréstimo

Por Redação IQ 360

dicas-como-pagar-parcelas-em-dia

As dívidas estavam atrasadas e você recebeu a ótima notícia de que o empréstimo foi aprovado pelo seu banco ou instituição financeira. Com isso, o montante que você estava precisando com urgência entrou na conta, você quitou as pendências antigas, mas agora vem uma nova dívida a partir do próximo mês: as parcelas do empréstimo. Será que existe alguma fórmula para que essa nova conta não se acumule novamente e o caso vire uma bola de neve interminável?
Confira algumas dicas dos especialistas:

Avalie a sua dívida em detalhes

O primeiro passo para encarar as parcelas do empréstimo é saber exatamente qual é o tamanho da dívida, quanto ela vai custar no orçamento mensal e até quando você deverá pagá-la. Para isso, analise novamente o contrato do empréstimo e faça uma planilha detalhada, mês a mês, relacionando o valor total, o valor parcelado, os juros, o seu salário e as contas fixas. Se já tiver uma dívida pendente, inclua também. Se necessário, peça ajuda a um contador para estimar quanto de dinheiro você poderá gastar até eliminar totalmente a dívida desse empréstimo.

Redimensione os gastos fixos

A segunda etapa para conseguir honrar com as parcelas do empréstimo é redimensionar as suas contas fixas. Ou seja, se na planilha elaborada na etapa anterior você conseguiu detalhar todos os gastos com supermercado, água, luz, condomínio, manutenção do carro (combustível incluído), mensalidade da escola dos filhos, lazer e etc, agora é a hora de definir se é possível cortar algum desses gastos. Em quase todos esses itens é possível economizar todos os meses, comprando apenas o essencial. Claro que isso pode trazer algumas frustrações, mas lembre-se que a pior delas é acumular mais e mais dívidas e não conseguir sair do vermelho nos próximos anos. Portanto, estabeleça um ponto final para as suas dívidas.

Antecipe algumas parcelas

Se você receber algum dinheiro extra, não caia na tentação de sair do seu novo planejamento. Se o 13º salário chegou, não gaste tudo nas compras de Natal e nem em supérfluos. Tente antecipar o pagamento de uma ou duas parcelas do seu empréstimo, ou mesmo renegociar os juros e as parcelas que ainda faltam. Fazer isso logo no primeiro dia em que o salário entra na conta evita que você seja seduzido pelas armadilhas do comércio. Se receber a restituição do Imposto de Renda ou alguma participação nos lucros da empresa onde trabalha, também utilize esse montante para adiantar o pagamento do empréstimo.