Qual a diferença entre empréstimo pessoal, cartão de crédito e cheque especial?

Por Redação IQ 360

Índice de Conteúdomenu

  1. O endividamento da população brasileira
  2. As taxas de juros cobrado por cada um
  3. Como pagar menos juros?
  4. Cuidados a se tomar

É possível encontrar soluções para desafogar as contas em bancos em folhetos nas ruas, na televisão e até no papo com os amigos. Pedir um empréstimo, entrar no cheque especial ou no crédito rotativo do cartão podem ser soluções imediatas, mas devem ser usadas com cautela.

O endividamento da população brasileira

Renda baixa, falta de educação financeira e facilidade em conseguir crédito são alguns dos fatores que contribuem para o aumento do endividamento.

Grande parte da população tem conta em banco e junto com a abertura da conta bancária são oferecidos os cartões, o limite do cheque especial, entre outros tipos de empréstimos.

Segundo dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 59,1 milhões de brasileiros estão negativados (dados do segundo semestre de 2017). O atraso no pagamento do cartão de crédito é a principal causa do endividamento, seguida dos carnês e do financiamento de carro.

As taxas de juros cobrado por cada um

O crédito pessoal é um tipo de empréstimo em que o cliente passa por uma análise de crédito antes de ser aprovado. Por esse motivo, quando comparado ao cheque especial e ao cartão de crédito, tem juros menores.

As taxas de juros do empréstimo pessoal variam entre cada instituição financeira e de acordo com o momento econômico do país. Em média, as taxas variam de 6% a 8% ao mês.

O cheque especial é um crédito pré-aprovado já disponível na conta bancária. Algumas pessoas, por vergonha ou falta de conhecimento, optam por essa praticidade, porém as taxas cobradas são altas.

Cada instituição financeira tem autonomia para definir suas taxas de juros, sendo que a média fica entre 13% a 15% ao mês. Para definir o valor cobrado, os bancos levam em conta o valor usado e o tempo. Quanto mais tempo demorar para quitar a dívida, mais caros serão os juros.

O cartão de crédito, apesar de ser muitas vezes um aliado, pode se transformar em grande vilão. Quando não se tem o valor total da fatura e opta por pagar o mínimo, automaticamente entra no chamado “crédito rotativo”, que possui juros altíssimos de podem ultrapassar os 400% ao ano.

Se você quer procurar a melhor opção de empréstimo para o seu perfil, confira abaixo o Simulador de Empréstimos do IQ 360:

Como pagar menos juros?

O melhor é não precisar entrar no cheque especial ou cartão de crédito rotativo, porém se por algum motivo você teve que recorrer a esse crédito, o ideal é quitar a dívida o quanto antes, pois os juros correm por dia.

Se não tem todo o valor para quitar, a melhor alternativa é negociar com o banco. Procure conversar com o gerente e escolher a melhor maneira de pagar essa dívida.

Outra opção é recorrer a um empréstimo com juros menores do que os aplicados pelo cheque especial e o rotativo do cartão de crédito. Pode-se solicitar um crédito pessoal e quitar a dívida.

O empréstimo pessoal é oferecido por diversas instituições e as taxas variam, por isso, pesquisar pode fazer com que você economize.

Para aqueles clientes que não estão devendo no cheque especial ou no cartão e desejam solicitar um empréstimo pessoal, é mais provável que consiga melhores taxas no banco em que tem conta, pois já se tem todo o histórico e perfil do cliente.

Cuidados a se tomar

Atenção com o cheque especial. Por ser uma modalidade de crédito pré-aprovada e facilmente disponível, as taxas de juros são altas. O recomendado é só usar em casos de urgência e ter ciência de que se não pagar em curto prazo, a dívida só irá aumentar.

O mesmo vale para o cartão de crédito. Os juros do crédito rotativo são exorbitantes. Deve-se evitar esse tipo de crédito e usá-lo só em casos de extrema urgência em que não dê tempo hábil para conseguir outro tipo de empréstimo para cobrir o valor da fatura, ou sabendo que conseguirá pagar o valor integral em breve.

IQ Empréstimos

Na dúvida de qual empréstimo pegar?

O IQ te ajuda a achar o empréstimo certo para o seu perfil!

Simule Agora!