Como funciona o leilão de joias da caixa?

Por Redação IQ 360

leilao-joias-caixa

O leilão de joias da Caixa Econômica Federal é um dos mais tradicionais do país. Ele ocorre com as joias valiosas que são penhoradas pelo banco e disponibilizadas aos interessados por meio de lances oficiais. Para participar e arrematar essas relíquias, no entanto, é necessário seguir algumas regras.
Fique atento a estas dicas e às orientações oficiais do próprio banco:

Como conhecer as joias?

As joias que serão leiloadas nos próximos eventos organizados pelo banco ficam disponíveis na Vitrine de Joias da Caixa. Lá é possível conhecer as peças que estão empenhadas (ainda passíveis de irem a leilão) e as que já estão penhoradas, por meio de fotos e detalhes técnicos. Dentre os objetos que são disponibilizados pelo banco estão anéis, brincos, pulseiras, colares, abotoaduras, diamantes, pedras preciosas, barras de ouro, moedas, relógios e canetas. Importante lembrar que no penhor de joias são aceitas somente aquelas originais em metais preciosos. As que são apenas banhadas em ouro, por exemplo, não podem ser empenhadas. Sendo assim, nesses leilões existe a garantia de que as joias são autênticas e que foram devidamente avaliadas por profissionais especializados.

Cadastro na Caixa

Para participar do leilão e fazer um lance, existem algumas regras iniciais. O primeiro passo é fazer um cadastro formal na Caixa. Para isso, é necessário ir a uma agência de Penhor da Caixa para conseguir obter uma senha especial que dará direito à participação dos lances nos terminais de atendimento. Serão solicitados documentos originais e cópias do RG, CPF regular na Receita Federal e comprovante de residência. Vale lembrar que somente maiores de 18 anos podem fazer o cadastro e participar.
Para as empresas interessadas em adquirir as joias (pessoas jurídicas), os documentos são: CNPJ ativo na Receita Federal, cópia autenticada do contrato social da empresa e das eventuais alterações, cópia autenticada dos documentos pessoais dos sócios da empresa.

Quando ocorre o leilão

Após realizar o cadastro obrigatório, você deverá consultar a Vitrine de Joias para saber quais peças te interessam mais e ficar atento aos editais dos leilões. Nessas convocatórias oficiais, os clientes serão informados sobre as regras de cada leilão, os prazos para os lances, datas para os resultados e os locais onde os contemplados deverão retirar as joias.

Momento do lance

Os lances só podem ser realizados nas agências da Caixa ou máquinas de autoatendimento do banco. No ato do lance, o interessado deverá informar o número do seu CPF, a senha adquirida no cadastro oficial que citamos acima, o número da agência centralizadora, o número do lote (informações contidas em cada edital) e qual é o valor do lance. Depois disso, é só aguardar o resultado e torcer para que o seu valor seja o mais alto!