É possível refinanciar um carro alienado?

Por Redação IQ 360

refinanciar-carro-alienado

Um carro que ainda não foi totalmente pago e que está sob a garantia de um banco ou instituição financeira em um financiamento é chamado de carro alienado. Em outras palavras, enquanto ele não for totalmente quitado, corre o risco de ser devolvido ao credor se as parcelas não forem pagas em dia.
Muitas pessoas também ficam em dúvida se é possível comprar ou vender um carro alienado e a resposta é: sim. Especialmente para quem quer comprar e depois refinanciar a dívida, pode ser um bom negócio.
Nesses casos, o novo comprador deverá firmar um contrato com a instituição bancária ou financeira na qual o veículo está alienado. Se o vendedor só conseguiu quitar algumas parcelas do financiamento, você inclusive pode usar esse argumento para pedir um bom desconto na sua compra. Afinal, ele deverá receber o montante de acordo com o que pagou, não incluindo a dívida que está deixando para você.
Lembre-se também de verificar outras dívidas que o carro possa ter, como multas, parcelas a vencer com a seguradora ou até processos judiciais envolvendo acidentes, furtos ou roubos. Faça uma boa pesquisa antes de fechar qualquer negócio.

Como refinanciar carro alienado?

Ao comprar esse carro, você também poderá renegociar a dívida restante. Não é obrigatório continuar a pagar o resto do financiamento exatamente no mesmo banco que o seu vendedor fez a dívida. No entanto, é interesse dessa instituição financeira que você continue com esse contrato, então tente negociar taxas de juros bem menores ou um número maior de parcelas, por exemplo.
Se preferir trocar de banco, fique atento em quantas parcelas já foram pagas e quantas estão pendentes. Às vezes, o refinanciamento é para você mesmo, que adquiriu a dívida ao comprar o carro e agora está buscando uma outra instituição financeira para continuar pagando as prestações, mas com juros menores. Nesse caso, se você pagou uma quantidade muito pequena de parcelas iniciais, talvez seja bem difícil trocar de banco. O melhor é continuar até atingir um número maior e depois levá-la para outro banco.
Em todos os casos, acione o banco onde o carro está alienado e solicite o extrato para saber quanto ainda falta para quitar a dívida. Somente com essa informação em mãos você poderá decidir se é melhor continuar ou refinanciar em outro lugar.
Caso você não esteja conseguindo pagar as parcelas em dia, a melhor opção pode ser renegociar com o mesmo banco, embora eles não sejam obrigados a entrar nessa renegociação e os juros podem aumentar a longo prazo. Portanto, pense bem antes de comprar um carro e adquirir uma dívida, mesmo sendo a de um carro alienado. Se não quitar as parcelas, além de perder o veículo, poderá ficar com o nome sujo.