6 dicas para economizar com seu gato

Por Emily Moura

Índice de Conteúdomenu

  1. Adote um gato
  2. Invista em uma boa ração para o seu gato
  3. Compare valores de produtos para seu gato
  4. Leve seu gato regularmente no veterinário
  5. Invista em um plano saúde para o gato
  6. Não compre supérfluos

Se você está pensando em ter um gato de estimação, saiba que é uma ótima escolha. Além de ter um fiel companheiro, você vai aprender diversas coisas na hora de começar a cuidar do seu bichinho. Porém, ter um gato requer responsabilidade e você vai ter que gastar dinheiro para o bem estar dele. Mas não se preocupe, existem várias formas de economizar sem abrir mão da qualidade de vida do seu gato.

Confira as dicas que nós do IQ360 preparamos para você que já é ou vai ser dono de um gato:

Adote um gato

Adotar um gato é muito vantajoso. Gatos de raça costumam ser caros, você encontra facilmente raças por mais de R$ 2.000. Adotando você ajuda animais que estão esperando um lar, e a maioria das ongs de animais doam gatos castrados, para que o futuro dono não precise arcar com os custos da operação.

Invista em uma boa ração para o seu gato

O primeiro passo para manter o seu gato saudável é comprar uma ração de qualidade. Não adianta investir em uma marca mais barata, cujo produto não terá todos os nutrientes que o seu pet precisa. A verdade é que um alimento de qualidade ruim pode até matar seu bichinho. Com uma alimentação balanceada, ele terá menos chances de ter problemas de saúde. Remédios e cirurgias para gatos podem ser um rombo enorme no seu orçamento. E como as boas rações costumam ser mais caras, a dica é comprar pacotes de 10 quilos ou mais, por exemplo. Assim, além de durar mais e ser mais barato do que comprar pequenos pacotes, você pode parcelar no cartão e diluir o valor em vários meses. Lembre-se também de comprar um pote grande em que poderá armazená-la e vedá-la para que não perca o cheiro de ração nova. Usar papel-filme nessa vedação ajuda bastante. Para saber se uma ração é realmente boa opte pelas naturais, livres de corantes. Os gatos são muito exigentes com a sua comida e poderão recusá-la se não tiver o cheiro ideal.

Compare valores de produtos para seu gato

Pesquise valores de remédios, acessórios e rações. Você pode fazer essa pesquisa online nos sites de pet shops ou nas lojas físicas. Lembre-se de pechinchar e procurar promoções relâmpago.

Leve seu gato regularmente no veterinário

Esse também é um gasto que costuma compensar no final das contas. Claro que não é necessário levar o seu animal todos os meses ao veterinário, mas fazer exames anuais é importante para identificar pequenos problemas de saúde. Como prevenir é sempre melhor do que remediar, manter o seu gato vacinado e com os remédios contra pulgas e vermes em dia também evita outras doenças mais sérias e que podem gerar complicações futuras.

Invista em um Seguro Pet para seu gato

Um Seguro Pet é bem vantajoso. Pois, se acontecer algum imprevisto com seu gato, você estará coberto e não vai precisar desembolsar um dinheiro que está fora do planejamento. Confira o Health for Pet da Porto Seguro, um seguro saúde que têm ótimas coberturas para animais de todas as idades.

Não compre supérfluos

Para quem tem bichos há muitas décadas, essa dica pode parecer desnecessária. Mas com o crescimento exponencial de produtos para pets nos últimos anos, os donos passaram a comprar alimentos e brinquedos totalmente supérfluos para os seus animais, como chocolates e biscoitos industrializados. No caso dos gatos, não vale a pena nem comprar bolinhas ou casinhas muito sofisticadas. Qualquer novelo de lã e cobertor fofinho já servem para ele brincar e se sentir confortável. Os veterinários lembram que é melhor investir em uma ração de qualidade do que nesses produtos que não fazem a menor diferença na vida do animal. Se você quer mesmo cuidar dele com carinho, é melhor investir na alimentação e na saúde.