Como fazer uma viagem barata para Alemanha

Por Redação IQ 360

Índice de Conteúdomenu

  1. Viaje para a Alemanha na baixa temporada
  2. Planeje sua viaje para a Alemanha com antecedência
  3. Conhecendo a Alemanha

Além de ser um destino histórico por diversas razões, a Alemanha vem atraindo novos viajantes, principalmente em função da sua boa fase econômica. Incluir Berlim naqueles mochilões pela Europa ou mesmo passar de 10 a 15 dias percorrendo cidades alemãs já entrou nos planos de muitas pessoas. Embora não seja um dos países mais caros para se conhecer na Europa, é bom ficar atento a algumas dicas.

Viaje para a Alemanha na baixa temporada

A primeira delas é na própria escolha do período da viagem. Isso vai influenciar em tudo, desde a passagem aérea e a hospedagem até nas suas opções de alimentação. Além de economizar, saber a temporada que você vai viajar garante que não seja surpreendido por pequenos detalhes que podem mudar completamente o seu roteiro na última hora, como o frio intenso e muitas roupas pesadas na bagagem.

Planeje sua viaje para a Alemanha com antecedência

Para qualquer país europeu, comprar as passagens aéreas ao menos seis meses antes da data de embarque é uma dica fundamental. Se você tiver esse tempo para se programar, poderá comparar os preços das companhias aéreas brasileiras com as europeias e perceber que a diferença pode ser surpreendente. Muitas vezes, compensa bastante escolher a Lufthansa ou a AirFrance/KLM, por exemplo. Elas têm mais voos diários para vários destinos europeus e muitos fazem conexão em Frankfurt. Isso aumenta a oferta de preços e horários para o seu voo.

Conhecendo a Alemanha

Aliás, Frankfurt é a melhor porta de entrada para você chegar à Alemanha. Se o seu voo for direto, opte por desembarcar lá e passar alguns dias conhecendo a cidade onde Goethe nasceu. Considerada um dos polos europeus do mercado financeiro, Frankfurt também é um belo destino cultural, com mais de 60 museus, vários com entrada gratuita em algum dia da semana. É lá que acontece também a maior feira do livro do mundo, reunindo editores de todos os países, há mais de 50 anos, no mês de outubro.

Para quem quer economizar em Berlim, os especialistas recomendam que todas as entradas em museus e atrações turísticas sejam compradas pela internet porque o desconto é bem considerável. Ficar hospedado na região central também ajuda no deslocamento pela capital alemã, já que os passeios turísticos mais procurados estão centralizados. Mas fique atento, porque na alta temporada as boas ofertas se esgotam muito rapidamente, não há tantos hotéis assim nesse perímetro. Buscar o Airbnb ou hostels próximos podem ser uma ótima opção para quem está disposto a pagar menos e ficar perto de tudo.

Assim como outras capitais europeias, Berlim oferece bons passeios ao ar livre. A praça Alexanderplatz está localizada bem no centro e abriga a Torre Berliner Fernsehturm, mais conhecida como a Torre de TV. Lá do alto, você terá uma bela visão da cidade. A Pariser Platz também é imperdível, com o seu famoso Portão de Brandemburgo, que talvez seja o maior cartão postal do país.

Para economizar na alimentação, a dica é ficar de olho nas comidas de rua, que são bem típicas e acessíveis. Se você for no período de festas de final do ano, vai encontrar os mercados de Natal por toda parte. Mas lembre-se também de que o frio é bem intenso, com temperaturas negativas. Em outubro, o país comemora a Oktoberfest, com comida e bebida por toda parte, a preços baratos. Fazer reservas com antecedência, especialmente nas cidades do interior, ajuda a economizar na hospedagem nessa época