Os 4 melhores bairros para morar em Belém

Por Redação IQ 360

Conhecida como “cidade das mangueiras”, Belém foi fundada em 1616 pelos portugueses. Com média de 98% de umidade, é a capital mais chuvosa do país, onde chove quase todos os dias.
As mangueiras que recobrem 30% da cidade foram trazidas da Ásia e plantadas como parte de uma política de arborização da cidade no início do século XX. Consideradas patrimônio histórico e ambiental da cidade pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), as árvores ajudam na purificação do ar e fornecem sombras pela cidade, que tem clima quente e úmido, com temperaturas que ficam entre 30ºC e 42ºC durante o ano.
Com mais de 1 milhão de habitantes, o trânsito local é um problema. Para viver na cidade, é mais recomendado buscar imóveis próximos aos locais de estudo e trabalho, para não perder muito tempo com trajetos. Conheça a seguir os melhores bairros para se morar em Belém:

Nazaré

O bairro Nazaré é um dos mais tradicionais e valorizados da cidade. Repleto de construções históricas, ruas largas e arborizadas, abriga a Avenida Nazaré, uma das mais importantes da capital, e a Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, o cartão-postal de onde parte a mais importante festa religiosa do mundo: o Círio de Nazaré.
Com localização central, possui boa infraestrutura urbana, com uma grande rede de serviços e opções de lazer, além de pontos turísticos e culturais. O bairro concentra boa parte da rede hoteleira da cidade e é onde se localiza um dos mais tradicionais colégios da capital paraense, o Colégio Santa Catarina de Sena.

Umarizal

Conhecido como um dos bairros mais bonitos de Belém, o Umarizal é o mais caro e mais valorizado da capital paraense. Já foi reduto de intelectuais e boêmios, mas atualmente é principalmente residencial, com boa infraestrutura urbana e algumas das melhores opções de escolas e sete hospitais. A avenida Almirante Wandenkolk é a mais famosa do bairro, onde estão a maior parte dos bares e restaurantes.

Batista Campos

Majoritariamente residencial, o Batista Campos é um dos bairros mais tranquilos, organizados e seguros da cidade. Próximo à Avenida Nazaré, oferece uma das melhores opções de infraestrutura de Belém e abriga os shoppings Center Belém e Pátio Belém.

Marco

Um dos mais tradicionais e centrais bairros da capital paraense, o Marco foi criado na virada do século XIX para o XX, como forma de marcar o limite da cidade: era o marco final. Atualmente, é bem atendido por redes de transporte público e uma das melhores opções para fugir dos congestionamentos da cidade. Bem arborizado, oferece boa qualidade de vida. Além de uma extensa rede de serviços e comércio, abriga a sede da Embrapa, dois campi da Universidade do Estado do Pará, o Sesi e o Jardim Botânico Bosque Rodrigues Alves, que foi inspirado no Bosque de Bolonha, em Paris.