Como economizar ganhando um salário de estagiário

Por Bruno Freitas

Índice de Conteúdomenu

  1. Entenda seu novo orçamento como estagiário
  2. Separe uma pequena parte do seu dinheiro e transforme esse processo em algo automático
  3. Crie uma reserva financeira
  4. Comece a investir em seus sonhos e tenha uma meta
  5. Corte alguns gastos desnecessários

Você agora é estagiário e finalmente tem dinheiro para comprar o que quiser. É normal que comece a fazer mentalmente sua lista de compra, colocando, por exemplo, aquele celular que sempre quis, um computador melhor e aquelas roupas que vão te deixar mais estiloso que o gordinho do outfit, para fazer bonito em qualquer rolê.

Mas logo você descobre que na verdade só pode comprar até onde o dinheiro dá, que ter e manter um cartão de crédito não é tão fácil assim e que aquele salário em torno dos R$1.000 que você ganha não é lá tanta grana quanto parecia.

É natural que se procure então maneiras de usar melhor esse dinheiro, de como pode poupar e até investir, se possível. A boa notícia é que não só é possível, mas é o melhor que pode ser feito.

Seja porque você está no vermelho por ter gastado demais no rolê ou por desejar cuidar ainda melhor do seu dinheiro, separamos algumas dicas que podem te ajudar a usar seu dinheiro de maneira mais inteligente. Vamos a elas:

Entenda seu novo orçamento como estagiário

O primeiro e mais importante passo é entender seu orçamento e como você usa seu dinheiro. Pode parecer chato e trabalhoso, mas é um passo necessário – e que você vai descobrir rapidamente que não é tão difícil assim. Envolve mais passar a olhar para sua relação com o dinheiro do que aplicativos, esquemas e planilhas em que você precise colocar cada balinha comprada.

O primeiro passo é, então, entender seus gastos. Uma maneira fácil e prática é pegar uma folha de papel, avulsa ou de um caderno, e começar a listar seus principais gastos: aqueles que sempre tem, como contas a pagar, e outros variáveis, mas que estão sempre ali – você pode criar um bloco chamado de “comida”, por exemplo, e estimar o quanto gasta com restaurantes e besteiras durante o mês.

Em seguida, coloque o quanto você ganha e faça a comparação – se for positiva, você já sabe o quanto pode guardar. Se for negativa, bem, precisamos corrigir algo aí.

Separe uma pequena parte do seu dinheiro e transforme esse processo em algo automático

A próxima etapa é separar uma parte do seu dinheiro para economizar. Pode ser o valor que quiser e for melhor para seu bolso no momento. Vamos esquecer regras ou ordens aqui, o importante é criar um hábito. Decida quanto vai poupar se baseando na análise dos seus gastos e comece.

Para agilizar e tornar o processo mais automático, uma dica é transformar o depósito na sua poupança ou corretora em débito automático. Escolha uma data logo após cair seu salário. Isso garante que vai economizar todo mês sem precisar pensar tanto nisso. Você consegue transformar uma transferência em débito automático recorrente pelo próprio aplicativo de seu banco.

Você já passou a entender seus gastos, escolheu uma quantia e começou a poupar seu dinheiro, mas agora é importante saber onde colocar ele. Entender porque vale mais, em muitos casos, investir em Tesouro Direto do que na Poupança, por exemplo.

A boa notícia é que tem muitos textos do IQ 360 para te ajudar. Um bom pontapé inicial é ler nosso texto “Primeiro investimento: onde começar a investir?”. Você também pode ver tudo o que já escrevemos sobre Finanças Pessoais clicando aqui.

Crie uma reserva financeira

Agora que você já guarda seu dinheiro no melhor lugar para você, é preciso entender que é importante que esse dinheiro se torne sua reserva financeira. A reserva financeira existe para nos dar liberdade e segurança.

Nela, é importante que você busque colocar um valor que te permite viver por um período sem emprego até encontrar outro – isso pode significar um ou cinco salários, cabe a você se perguntar o quanto precisa para ficar confortável sem emprego por um período.

Como estagiário, é importante entender o quanto você está numa posição volátil: talvez mais do que em um emprego comum, sua vaga pode acabar repentinamente ou seu contrato chega ao fim sem que você seja renovado, dentre inúmeras outras possibilidades. É um cargo que só te dá uma segurança de, no máximo, dois anos. É preciso que exista uma reserva para que você não esteja à procura de outro emprego com as mãos atadas, pegando a primeira vaga que aparecer por precisar de dinheiro.

Além disso, a reserva pode ser crucial para grandes imprevistos, como uma doença ou acidente. De todas as dicas que colocamos aqui, esse é a única não negociável: é preciso que você tenha uma reserva financeira.

Comece a investir em seus sonhos e tenha uma meta

Para não chegar na hora e gastar sua reserva financeira no primeiro impulso – afinal, você já tem o que precisava para comprar aquele celular, não é? – é importante você começar um processo de investimento separado, focado em algum sonho que você quer realizar, seja uma viagem, a compra de um carro ou de fazer algum curso, por exemplo.

Por isso, guarde mais um pouco de dinheiro por mês com esse fim. E tenha uma meta clara, sabendo o quanto precisa guardar, para não ir gastando nas pequenas coisas do dia a dia, como usar para pagar os litrões baratos ou festas da faculdade. Assim você consegue seguir investindo em você e nos seus sonhos sem precisar sangrar sua poupança por conta disto.

Corte alguns gastos desnecessários

Pode parecer inviável economizar para dois fins – sua reserva e seus sonhos – com a remuneração de um estagiário, e em muitos momentos, para ser sincero, vai ser difícil e exigir escolhas de fato. Você pode não guardar em um mês para comprar algo muito desejado se sabe que no mês seguinte voltará ao ritmo normal, mas é preciso tomar cuidado. É muito fácil cair numa espiral sem fim e nunca mais voltar a poupar.

Por isso, o mais recomendado é sempre tentar cortar gastos desnecessários. Uma vez que você passe a olhar para seu dinheiro fica fácil saber quais são. Pode ser, ainda pegando o exemplo do bar com litrão barato, deixar de comprar aquele hambúrguer na volta para casa. Esperar um pouco para chegar em casa e jantar pode até te deixar com fome, mas vai economizar bem no seu bolso. Cabe a você descobrir quais são seus gastos desnecessários e ir manejando eles.