Quanto custa fazer um intercâmbio de 6 meses no Uruguai?

Por Redação IQ 360

Índice de Conteúdomenu

  1. Visto para o Uruguai
  2. Curso no Uruguai
  3. Moradia no Uruguai
  4. Custo de vida no Uruguai

Quer fazer um intercâmbio no Uruguai, mas não sabe quanto dinheiro você precisa guardar para sua viagem de 6 meses? Confira as dicas abaixo e entenda como se programar:

Visto para o Uruguai

Cidadãos brasileiros podem entrar e permanecer no Uruguai por até 90 dias usando apenas o RG, como parte do acordo entre países do Mercosul. Entretanto, para permanecer por lá durante um período maior, é preciso pedir a autorização de permanência, pelo qual se paga uma taxa, que pode ser solicitada antes da viagem ou no próprio país. A liberação permite obter o documento de identidade uruguaio e permite viver e trabalhar legalmente por lá, por um período de dois anos, com possibilidade de renovação.

Curso no Uruguai

Montevidéu é considerada um dos melhores lugares para aprender espanhol na América do Sul, com o sotaque mais parecido com o da Espanha, o custo de um intercâmbio por lá sai por bem menos do que ir à Europa, principalmente por conta da moeda e preço de passagens aéreas. Para se ter uma ideia, um curso de 20 horas semanais, em uma escola nível premium, pode sair por R$1 mil por semana, e as passagens de ida e volta para o país podem custar a partir de R$900.

Moradia no Uruguai

O Uruguai é o menor país da América Latina, por isso as escolas de idiomas para estrangeiros se concentram na capital, Montevidéu. Ao contratar uma agência de intercâmbio existe a possibilidade de se hospedar em casa de família, selecionadas por meio de um programa rigoroso que entrevista e seleciona as elegíveis, e ainda pode oferecer uma ou duas refeições inclusas; residência estudantil, dividindo uma casa ou apartamento com outros estudantes da mesma escola; ou hostel, que pode ser uma opção cômoda para os primeiros meses. Se preferir, há também a possibilidade de alugar um apartamento por conta própria, que pode sair em media R$2mil, na região central da cidade, além dos custos extras de energia elétrica, água e internet.

Custo de vida no Uruguai

Apesar de o real valer mais do que o peso uruguaio, o custo de vida é alto, bem próximo ao de São Paulo. Por isso, separe boa parte do orçamento para alimentação que deve ser um dos itens mais caros: almoçar fora pode sair por R$35 em média. Opte por se alimentar em casa, comprando alimentos no supermercado.

Consulte qual será seu trajeto diário para calcular os custos com transporte, a passagem de ônibus urbanos na cidade é de R$4,43 e o passe comum mensal sai por R$ 167,69.

Inclua em seu orçamento dinheiro para passeios em cidades próximas e compra de presentes. Por ser um país pequeno, é possível conhecer outros lugares em viagens de finais de semana indo de ônibus.