O que é Retração de Fibonacci?

Por Redação IQ 360

CDI Hoje

Rentabilidade

6.39%

Usada pelo mercado de ações para identificar possíveis pontos de reversão de tendências, resistências ou suportes, a Retração de Fibonacci é um popular indicador técnico formado por porcentagens e índices resultantes das relações matemáticas da série de números base. A sequência numérica, descoberta pelo matemático italiano Leonardo Fibonacci, que viveu no século XIII, é infinita e formada por números que são o resultado da soma dos dois anteriores, ou seja: 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55, 89, 144, etc.

Cada algarismo é cerca de 1,618 vezes maior do que o anterior e cada um dividido pelo anterior resulta em algo próximo a 1,618. Esse número é a origem do que é conhecido como “regra de ouro”, que é a proporção matemática que explica diversos fenômenos da natureza. O uso dessa razão de maneira inversa (0,618) auxilia na análise de padrões de preço no mercado de investimentos, e é isso que vamos explicar a seguir.

Como usar Fibonacci no mercado de ações?

No mercado financeiro, a retração de Fibonacci é uma ferramenta de desenho cujo objetivo é ajudar a encontrar patamares de resistência ou suportes – mudanças nas tendências de preços. Esse indicador é formado por linhas horizontais que cortam uma série de preços, e a distância entres elas obedece a série numérica de Fibonacci. Sua aplicação pode ser feita em qualquer tipo de gráfico, sempre observando os valores máximos e mínimos para auxiliar na identificação de pontos de reversão.

Na prática são criados dois pontos extremos no gráfico, cuja distância é dividida pelos índices de Fibonacci: 23,6%, 38,2%, 50%, 61,8% e 100%. A partir daí, as linhas horizontais são desenhadas e podem identificar os níveis de suporte e resistência dos ativos (relação de oferta e demanda em relação ao preço). O objetivo principal do indicador é mostrar pontos de alerta para ficar atento, que geralmente vão mostrar potenciais reversões de tendências, resistências ou suportes.

As proporções dos índices são o resultado de razões matemáticas entre os números da série, por exemplo: 61,8% (razão dourada), resultado da divisão de um número pelo que a segue, como 8/13 = 0,6153; 38,2%, quando há a divisão de um número pelo que é encontrado dois lugares à direita, como 55/144 = 0,3819; 23,6% é o resultado da divisão entre o número da série pelo que está três lugares à direita, como 8/34: 0,2352. Exceção à regra, o índice de 50% não é necessariamente uma relação de Fibonacci, mas é usado para mostrar a tendência do ativo continuar em uma determinada direção.

É importante ressaltar que a retração de Fibonacci não deve ser usada sozinha em análises técnicas, mas sempre em conjunto com um ou mais indicadores na avaliação das movimentações de mercado. Desempenhando um papel importante em análises de mercado, esse indicador têm se destacado no setor de criptomoedas, usado para determinar pontos críticos de reversão do preço do ativo.