6 dicas para economizar no consumo de combustível

Por Redação IQ 360

A parcela do financiamento do carro é um dos custos que mais pesam no orçamento. Somado a essa dívida, também está o seguro auto e os gastos com a manutenção. Segundo os especialistas, o valor médio mensal para manter um automóvel alcança 2% do total do preço do carro. Nisso está incluído o combustível. Confira algumas dicas e veja como exagerar em fatores pode aumentar o consumo de combustível.

Confira algumas dicas e veja como exagerar em fatores pode aumentar o consumo de combustível:

Pequenas distâncias

Se você é daqueles que não dispensa o carro nem para ir ao restaurante ou a padaria do bairro, é melhor ficar atento. Só o fato de ligar e desligar o motor já provoca um gasto de 30% do combustível ao longo do tempo. Se nessas curtas distâncias você ainda liga o rádio e o ar condicionado, isso pode pesar ainda mais. Analise se realmente é necessário pegar o carro para qualquer saidinha. Caminhar também pode ser bom para a sua saúde e quem sabe você economiza até com a mensalidade da academia.

Balanceamento dos pneus

Os manuais dos automóveis indicam que a cada 10 mil quilômetros rodados é necessário fazer um alinhamento e balanceamento dos pneus. Isso garante uma durabilidade maior. Ou seja, levará mais tempo para trocá-los se fizer uma revisão periódica. Isso sai muito mais barato do que comprar pneus novos.

Velas

As velas também precisam de revisão até porque estão diretamente ligadas ao motor. Quanto mais atenção você der a elas, menor será a chance de o motor te deixar na mão e com um rombo no orçamento. Para essa revisão, a recomendação é que seja feita a troca a cada 15 mil quilômetros rodados.

Amortecedores

Este talvez seja o item que você esteja mais acostumado a ficar atento. Como a potência dos freios e dos amortecedores é percebida enquanto você dirige, é mais fácil notar quando algo pode estar errado ou funcionando mal. Assim que você sentir essa diferença, faça uma revisão.

Pelo menos uma vez por semana é recomendável a verificação do nível do óleo dos freios e o desgaste das pastilhas. Se houver algum vazamento, também leve o carro o mais rápido possível à sua oficina de confiança. No dia a dia, lembre-se de prestar a atenção ao subir uma ladeira mais íngreme, se o carro apresentar algum movimento anormal, pode ser que os amortecedores estejam falhando.

Lavagem e enceramento

Ajude o seu carro a não ficar enferrujado também. Mantê-lo lavado e encerado conserva a pintura e a lataria. Assim você vai demorar mais para gastar com tinta e mão de obra.

Ar condicionado e excesso de peso

Nem todos os motoristas sabem, mas usar o ar condicionado consome bastante combustível porque exige maior desempenho do motor do carro. Da mesma forma, se o veículo estiver carregando uma quantidade muito densa de peso, o consumo de etanol ou gasolina será maior. Além do motor, isso provoca uma pressão maior nos pneus. Portanto, no fim das contas, o gasto pode acabar sendo maior na revisão e no abastecimento contínuo. Evitar esses excessos ajuda a economizar a longo prazo.