Sobreaquecimento do motor do carro: o que é e como evitar

Por Redação IQ 360

Índice de Conteúdomenu

  1. Líquido de Arrefecimento
  2. Termostato Defeituoso
  3. Nível de óleo do carro
  4. Bomba de água do carro
  5. Radiador do carro

O sobreaquecimento do motor do carro acontece quando há uma falha no resfriamento do motor durante o funcionamento, causando fumaça, falhas de funcionamento e até risco de incêndio.

Sempre que perceber sinais de superaquecimento do motor, você deve parar e desligar o carro, abrir o capô do carro com cuidado, esperar que esfrie e verificar a possível causa, que às vezes é de simples resolução.

Fique atento aos indícios: se há ar quente saindo do ar-condicionado do carro pode ser que esteja prestes a superaquecer. Os sinais luminosos e indicadores de temperatura do painel também podem prever o superaquecimento.

Esse problema pode ser causado por diversos fatores, a maioria deles evitável por vistorias e manutenções periódicas. Por isso é preciso ter cuidado, pois o superaquecimento por danificar permanentemente o veículo e causar grandes prejuízos. Confira a seguir as principais causas e como evitá-las.

Líquido de Arrefecimento

Uma das principais causas do superaquecimento do motor é o baixo nível do líquido de arrefecimento, necessário por manter seu bom funcionamento em temperaturas normais. Nesse caso, a resolução é simples: basta preencher o reservatório para conseguir voltar a circular normalmente com seu carro.

Termostato Defeituoso

Quando o aquecimento é causado por defeito no termostato, a dor de cabeça será maior. Essa peça tem a missão de dizer ao motor do carro quando sua temperatura está correta ou incorreta. Quando não funciona corretamente, o termostato erra ao enviar a mensagem de que não há necessidade de refrigeração adicional quando o motor está muito quente, impedindo a liberação do líquido de arrefecimento e o acionamento do ventilador do radiador, resultando em superaquecimento. A solução é substituir o termostato defeituoso, o que só pode ser resolvido em uma oficina mecânica.

Nível de óleo do carro

Se o nível de óleo do seu carro estiver muito baixo ou muito velho, o motor também pode superaquecer, além da possibilidade de causar outros problemas como o desgaste excessivo de outras peças pela falta de lubrificação adequada. Não se esqueça de sempre fazer a verificação periódica, para evitar problemas.

Bomba de água do carro

Quando a água não consegue circular corretamente por defeitos no bombeamento, o sistema não consegue arrefecer e a temperatura vai se manter elevada, levando o veículo a sobreaquecer.

Radiador do carro

Um problema simples, mas que pode causar o aumento exagerado de temperatura do motor é a tampa do radiador. Quando não está bem fechada, o vapor de água escapa e provoca o superaquecimento. E se a água ferver e entrar em contato com o metal das peças do veículo, vai formar uma grande nuvem de fumaça no capô.

Aqui a resolução também não é complexa, basta desligar o carro, esperar que o motor esfrie, completar o nível de água e fechar bem a tampa do radiador para voltar a seguir viagem.